top of page

Ana Lia sabe poucas coisas sobre a vida. Sabe que ela acaba, sabe que existem necessidades básicas para mantê-la e, acima de tudo, sabe que, em seus 16 anos de vida, nunca viveu de verdade.

 

Ela nasceu em 2021, quando o mundo estava imerso em uma das maiores pandemias da história. Isso somado à incompetência de seus governantes fez com que seu país, o Brasil, se tornasse o maior epicentro da doença, sentenciando milhões de pessoas à morte.

Já em 2037, o país é o único a ainda sofrer com as consequências da terrível Covid-19, e os poucos habitantes que restaram, como Ana Lia e sua família, se esforçam para sobreviver na esperança de um dia conseguirem fugir da miséria.

 

Tentar fugir pode resultar em sua salvação ou sua ruína, já que todas as fronteiras estão fechadas e fortemente protegidas. Ela será capaz de sobreviver até conseguir enfim viver de verdade?

2037

  • J. C. Almes

DEPOIS-DA-MEIA-NOITE.png

DEPOIS DA MEIA-NOITE

Por Alan Silva

ku-logo-orange-black._CB485916766_ (1).png

publicidade

Você pode gostar de