top of page
Dois garotos. Duas Histórias. Um Romance.
Depois da trágica morte dos pais, Henry Stradler foi forçado a abandonar três das coisas que ele mais amava: a casa em que cresceu, o Brasil e Guilherme Callegari.
Três anos mais tarde, ele finalmente retorna à cidade. Contudo, Guilherme já não é mais o mesmo de quando ele partiu. Além da altura e dos novos músculos, agora o seu primeiro amor tem amigos populares, uma namorada e uma reputação a zelar.
Após a partida de seu melhor amigo, Guilherme sentiu-se completamente sozinho. Foi como se Henry tivesse levado uma parte dele embora — a sua melhor. E talvez essa fosse a explicação perfeita, talvez explicasse o motivo pelo qual ele se reprimiu tanto nos últimos três anos, o motivo de ter escondido até mesmo a sua sexualidade.
No entanto, essa prisão que Guilherme criou para ele mesmo tem todas as suas estruturas abaladas no instante em que Henry retorna, trazendo de volta todos os fantasmas do passado.
Agora, três anos depois do último beijo que compartilharam, os dois precisam encarar de frente o garoto que costumavam amar.

O Garoto Que Eu Costumava Amar

  • Marcel Maia
DEPOIS-DA-MEIA-NOITE.png

DEPOIS DA MEIA-NOITE

Por Alan Silva

ku-logo-orange-black._CB485916766_ (1).png

publicidade

Você pode gostar de