top of page
Victor, um estudante de gastronomia, sentiu na pele as pressões sociais do corpo, sexualidade, prazer e (des)afeto dentro da comunidade gay. Cansado de relações líquidas e aprendendo a lidar com seus sentimentos (que até então tinha enfiado numa caixinha por não saber o que fazer com eles) esbarra em Gabriel. Um jovem aspirante a psicólogo que está no processo de recuperação de feridas afetivas deixadas pelo relacionamento abusivo com o ex-noivo Hugo. Nos desencontros da vida (pós)moderna e relações liquefeitas, fica o questionamento: apaixonar-se é um ato revolucionário?

Violeta

  • Abraão Nóbrega
DEPOIS-DA-MEIA-NOITE.png

DEPOIS DA MEIA-NOITE

Por Alan Silva

ku-logo-orange-black._CB485916766_ (1).png

publicidade

Você pode gostar de